Feliz Natal musical, com neve e pinheiro, num país tropical, no qual antigamente não nevava…

Em ritmo de xote, samba, xaxado, axé, valsa, rap e até nos duetos sertanejos…
Chovem votos, fotos e estouram champanhe, com ceias fartas ou na tristeza solitária de uma rua vazia…
Comemora-se mitos, ritos em meio a muito frango frito e chesters turbinados…
Comemora-se o nascimento de um Deus, filho de uma mãe “virgem” que é o próprio pai de si mesmo…
Confusão danada essa, repetida à exaustão por mentes que não pensam, nem refletem as incongruências das escrituras “sagradas”…
Mas que alimentam a ilusão de quem crê que é necessário acreditar para poder existir e repetir insana e indefinidamente: “Feliz Natal!”
Será que desejamos mesmo felicidade aos outros, ou só queremos ‘fazer parte’, de um ato da sociedade, para esconder nossa infelicidade?

Postagens relacionadas:

CC BY-NC-SA 4.0 É Natal pra todo lado por Bosco Carvalho está licenciado sob a Licença Internacional Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-ShareAlike 4.0.

Bosco Carvalho on EmailBosco Carvalho on FacebookBosco Carvalho on InstagramBosco Carvalho on LinkedinBosco Carvalho on Twitter
Bosco Carvalho
Terapeuta holístico at Renascer Saúde
- Terapeuta holístico nas áreas de meditação, sexualidade tântrica, Voice Dialogue, regressão, bioenergética.
- Palestrante, jornalista, publicitário, especialista em marketing digital e webdesign.
-Fluente em Alemão e Inglês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *